relevada
Era só uma garotinha que criava planos e contra-planos para quando atingisse seus 18 anos. Ela queria fazer tatuagens, quantas delas coubessem no braço, queria pintar o cabelo de uma cor ordinária e se mudar pra cidade grande. Ela queria isso pra se sentir livre e ver que já não dependia mais de ninguém, pois já estava cansada de se sentir acorrentada.
Ela queria viver, sem preliminares, cuidar do próprio nariz, sem mais delongas.
Anna Luiza Vicenzo (likefairytals)